Como acelerar o aumento da produtividade

Como acelerar o aumento da produtividade

Como acelerar o aumento da produtividade da indústria? Essa pergunta está na cabeça de todo empresário bem-informado nos dias de hoje. A resposta fácil:

  • Comece a adotar tecnologias da indústria 4.0.
  • Faça a transformação digital do seu negócio antes que seu concorrente saia na frente.

É uma resposta fácil, mas de difícil execução. Especialmente para as empresas médias e pequenas que ainda têm um sistema produtivo pouco otimizado e não têm um processo estruturado e capaz de gerar dados de qualidade que são os insumos básicos para adoção das novas tecnologias.

Especialistas em Internet das coisas (IoT) podem afirmar que basta colocar alguns sensores e os dados estarão disponíveis, mas será que todos os dados precisam ser capturados? Especialistas em aprendizado de máquina, por exemplo, podem sugerir implantar um sistema de reconhecimento de imagem para o levantamento do estoque intermediário, será que esse estoque é realmente necessário? Especialistas em automação industrial poderiam sugerir a utilização de veículos autônomos para movimentar materiais, mas será que o arranjo físico já possibilita a menor movimentação possível? Eles ainda poderiam sugerir automatizar uma parte da linha, mas será que aquela atividade não deveria ser terceirizada? A verdade é que, antes de entrar de cabeça na adoção de tecnologias da indústria 4.0, é fundamental que os processos básicos já estejam sendo bem executados. Não adianta automatizar a “bagunça” ou uma atividade que não é o gargalo. É preciso simplificar o sistema produtivo.

Então, por onde começar? Como amante de processos enxutos, devemos começar pelo fim, ou seja, para definir os dados, precisamos saber o que é necessário para atingirmos nossos objetivos estratégicos.

  1. Quais são os objetivos do meu negócio?
  2. Já tenho métricas representativas para cada objetivo?
  3. Como seria o painel de controle (dashboard) para controlar essas métricas?
  4. Os dados para acompanhar essa meta já estão disponíveis e são suficientes?
  5. A qualidade dos dados é suficiente?

Depois de respondidas essas perguntas, você provavelmente já identificou “gaps” na sua governança de dados e viu que nem todo investimento em tecnologias da indústria 4.0 é urgente ou necessário. Muitas tarefas são humanas e continuarão a serem humanas por muito tempo. O importante, aqui, é identificar aquelas que podem ser substituídas e transformadas digitalmente.

Então, voltando à pergunta, como acelerar a produtividade da indústria? Sabemos que produtividade é “fazer mais com menos”. Para alcançar esse resultado, os objetivos usuais são:

  • reduzir o lead time para diluir custos fixos; e
  • reduzir o consumo de recursos por unidade produzida para reduzir custos variáveis.

Para calcular o lead time, precisamos saber o momento da abertura do pedido e o momento da entrega do(s) produto(s) para o cliente. Se a sua empresa não tem essas datas, não adianta pensar em saber o lead time por etapa do processo produtivo ou utilizar portais RFID para coletá-las automaticamente. É preciso começar pelo básico e ir adicionando complexidade.

Para monitorar o consumo de recursos por unidade produzida, é fundamental mapear todos os recursos que são alocados no produto e o valor e a quantidade de cada um deles, incluindo, é claro, a mão de obra direta. Além disso, as perdas devem ser diluídas e o consumo de recursos deve aumentar, já que o custo é por unidade produzida sem defeito. Se isso ainda não é feito, já temos insumos para o início de um projeto de engenharia de qualidade.

Nós da Solverus acreditamos que o aumento da produtividade melhora a vida das pessoas. Somos uma consultoria industrial que atua dentro do escopo da Engenharia de Produção para aumentar a produtividade dos sistemas produtivos de nossos clientes. Temos 3 grandes linhas de atuação, engenharia de qualidadeengenharia de operações e a pesquisa operacional.

One thought on “Como acelerar o aumento da produtividade”